FRETE GRÁTIS A PARTIR DE R$199 🚀

0

Seu carrinho está vazio

Como começar já a fazer escolhas mais conscientes: perguntas-chave da Fê Canna

por Arantxa Morales outubro 25, 2019

Como começar já a fazer escolhas mais conscientes: perguntas-chave da Fê Canna

Como começar já a fazer escolhas mais conscientes: perguntas-chave da Fê Canna

Olhar questionador é uma das características mais fortes da Fê Canna, nossa nova convidada. Ela desafia (com muita gentileza, claro) suas próprias atitudes e, pouco a pouco, vai criando novos hábitos, novas maneiras de fazer o que já seria automático no nosso dia a dia.

Estamos falando aqui de coisas bem simples: escovar os dentes, comprar um desodorante novo, jogar uma embalagem no lixo. As menores escolhas já são fonte de reflexão pra ela que, desde muito cedo, já começou a construir um dia a dia mais saudável, sustentável e consciente.

Seu raciocínio tem 3 momentos: refletir, questionar e desenvolver autonomia. Ela reforça que “precisamos pensar sobre nossos hábitos pra sair do automático e a partir daí questionar de onde vem nossas atitudes: nossos valores estão realmente alinhados com elas? Ou estamos sofrendo uma pressão do nosso meio e nem percebemos?”. Apenas passando por este pensamento é que podemos realmente criar maneiras mais responsáveis – pra nós e pro mundo em que vivemos – de fazer cada coisa. Lembrando que cada atitude nossa é uma mensagem lá fora: pra empresas, pessoas e pro nosso próprio ambiente.

Mas e na prática, como isso funciona? A Fê dividiu com a gente algumas perguntas-chave que podemos nos fazer no momento de cada compra, decisão ou escolha. E ela é enfática sobre isso: “Tem muitas perguntas que podem ser feitas. Acho que o ponto é: faça perguntas”.

Então vamos lá:

EU REALMENTE PRECISO DISSO?

Esse desejo que estou sentindo é legítimo ou foi construído em mim por terceiros?

Por que eu desejo isso?

Eu preciso comprar esse produto pra satisfazer minha necessidade?

Eu consigo satisfazê-la de outro jeito? Por meio da troca ou reutilizando algo que tenho em casa, por exemplo?

Eu poderia fazer algo melhor ou mais natural em casa?

COMO ISSO CHEGOU ATÉ MIM?

Essa pergunta serve pra tudo mesmo, pra gente procurar entender como as engrenagens da nossa sociedade funcionam:

Como a água chega até a minha torneira?

Como eu consigo ter morango no outono?

Como foi tomada a decisão da construção da ciclovia que passa perto da minha casa?

PRA ONDE ISSO VAI DEPOIS?

É possível comprar este produto sem embalagem?

Se não, é possível reciclar essa embalagem?

Tenho como controlar o descarte desse produto ou ele vai virar mais material nos lixões e aterros?

QUEM ESTÁ SE BENEFICIANDO COM ISSO?

Quem está realmente ganhando $ com essa escolha?

Como a empresa que faz este produto ou me oferece esse serviço se comunica? Quem ela emprega? Tem diversidade?


Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.