FRETE GRÁTIS A PARTIR DE R$199 🚀

Como trabalhar os chakras com a kundalini yoga mudou a minha vida

por Isabela Serafim julho 06, 2020

Como trabalhar os chakras com a kundalini yoga mudou a minha vida

Por Giuliana Viscardi, diretora de arte, DJ e yogini

Eu sempre brinco que em 2019 me tornei a pessoa que mais temia: a freela que faz yoga na Vila Madalena (São Paulo). Digo isso pois não me imaginava vivendo sem a segurança de um salário fixo e muito menos acordando cedo para praticar algo com o qual eu não havia me conectado – quando tentei – longe de casa. E foi aí que Juliana Menz reapareceu na minha vida com a tal da kundalini yoga.

A kundalini yoga é uma modalidade de yoga que trabalha diretamente os 7 chakras do corpo através de respirações e ásanas especiais, um pouco diferentes dos feitos em outras práticas de yoga. As aulas regulares de kundalini yoga duram 1 hora e trabalhamos 1 chakra por mês, começando do chakra muladhara, que fica na base do nosso corpo, até o sahashara (coronário).

Eu tinha acabado de passar por um segundo burnout em menos de 6 meses, mas me faltava a coragem de me jogar para acreditar no meu talento [Giuliana é diretora criativa e DJ] e ser responsável pelo meu presente e futuro. Mal sabia o que era chakra na primeira aula, mas aprendi que kundalini é uma energia no formato de serpente, que quando não trabalhada fica adormecida no muladhara (chakra raiz). E daí que a cobra subiu.

Eu entrei num estado meditativo elevado. Tremia. Via luzes. E passei a entender diversas experiências que já tinha vivenciado. Saí da primeira aula e pedi demissão da agência que trabalhava como publicitária.

Dali em diante tudo se encaixou. A Kundalini – e trabalhar os chakras através dela – não torna a sua vida perfeita, ela te faz ter coragem para ouvir e seguir os seus instintos. Eu continuei trabalhando como diretora de criação, mas em projetos que se encaixavam comigo e também tive mais tempo para me dedicar à carreira de DJ. Ao mesmo tempo, comecei a entender o poder de cada chakra que era trabalhado mês a mês nas aulas.

Tem gente que gosta de fazer terapia e se ouvir falando em voz alta para ter epifanias. Eu gosto de fazer Kundalini de olhos fechados e ouvir a minha intuição. E tem gente que gosta dos dois :)